Encouragement,  Reflexions

BEHIND A SMILE | POR TRÁS DE UM SORRISO

WHAT SORT OF THINGS CAN BE HIDDEN BEHIND IN A SMILE?
Try to look around carefully for a moment? How many people seem to be happy next to you?

Recently, we heard through social media about another pastor who killed himself. And among the posts published about it there was a picture of him taken just a week before the happening. The pastor seemed to be pretty happy showing a big smile after he had just baptized someone.

Something in this case caught my attention in a deeper way tough, making me feel deeply sad, it was the wife post’s farewell, where she wrote that despite of what he has done (taken his own life), he was with Jesus, because suicide would not be the final word, but Jesus would. REFLEXION ABOUT THE WIFE FAREWELL POST: WHO HAS AUTHORITY TO SAY WHAT GOD HAS DECLARED AS FINAL WORD BUT HIMSELF? AND WHY DO WE TRY TO FIGURE OUT OR CHANGE WHAT HE HAS ALREADY SAID AND STABLESEHD? The Lord kills and brings to life;
he brings down to Sheol and raises up. (1 Samuel 2:6).

The truth can never be hidden, even when we try to deny things; the reality always comes to light, sooner or later. We live days where everyone can influence people through what they say and show on their social media profiles, so we are all responsible on what concerns to show a partial and untruth Gospel. Because one thing is to bring disorder into your own life (a great pity tough) but the other is to bring disorder and fake speeches to other people.

For multiple reasons, people tend to create a sort of “personal gospel”, putting aside everything they dislike or are not comfortable with. And try to announce it like the truth Gospel.

I know how hard it is to deal with certain matters, but what advantage can we take from lies? God’s Word cannot be updated and changed by man.

Throughout my teens, I had suicidal thoughts. I want to bring this up just to show the thoughts and feelings of someone who is thinking about taking away his own life: I used to focus only on what I wanted and on my own life, and even when there was someone else involved, it was actually all about me and MY WILL, my desires and about my pain by not getting what I used to want. Anguish and desolation became my world and the world was basically myself. I couldn’t see other people’s pain (family and friends), as I used to spend THE WHOLE DAY THINKING ABOUT MYSELF AND MY OWN WILL. I was unable to accept the fact that life wouldn’t happen the way I wanted it.

For some reason, I never had the courage to take my own life, but as the pain was unbearable, I remember a night when I went to bed begging to God to take me. That night, 15 years ago, I had the worst dream of my life. I was in a desolate, dark place, where everything was shapeless, including my own body and vision. There was no one else there except me and I had an inhuman-looking. Then I heard God asking me: “Do you really want to be gone, because if you die now, this is the place for you.” So I said to God I didn’t want to stay there. And after that day, regardless the pain I may face in life, I never wished again my life to end before its time.

Thinking about taking away your own life in order to escape pain and not thinking about the pain you will cause in those you are leaving behind is very selfish thing to do. Try to see beyond yourself and try to realize that – it is impossible to be alive and feel no pain, YOU ARE NOT THE FIRST AND NOT THE ONLY ONE TO GO THROUGHT THAT. And remember that in Christ you can win all your battles.

***
O QUE SE ESCONDE POR TRÁS DE UM SORRISO?

Tente parar, por um momento, e olhar atentamente ao seu redor? Quantas pessoas aparentemente felizes você consegue enxergar?

Recentemente, circulou a notícia de mais um suicídio cometido por um pastor. E um dos posts publicado por alguém aparentemente próximo a ele, trazia uma imagem deste pastor, que havia sido registrada uma semana antes dele tirar a própria vida. Na Foto, ele sorria, parecendo estar feliz, enquanto batizava uma pessoa. Tudo parecia estar bem e “normal”.

Algo que me chamou mais atenção ainda e me entristeceu profundamente, foi o post de despedida da esposa, no qual ela afirma que a despeito dele ter cometido suicídio, ele estava com Jesus, pois o suicídio não daria a palavra final, mas sim Jesus. REFLEXÃO: QUEM TEM AUTORIDADE SENÃO DEUS DE DIZER QUAL É A ÚLTIMA PALAVRA DELE? DEUS AFIRMA QUE ELE É O DONO DA VIDA, QUE SOMENTE ELE PODE DÁ-LA E TIRÁ-LA (I Samuel 2:6).

A verdade não pode ser submetida a nada, pois ainda que tentemos abafá-la ou fugir dela, ela nos apanha, mas cedo ou mais tarde. E na era da informação, em que todos tornaram-se “mídia”, todos nós somos responsáveis pela distorção do Evangelho. Já que uma coisa é escolher viver uma distorção para si e outra é propagá-la para outros, disseminando dúvida e gerando contradições.

Por diversas razões, as pessoas tendem a criar uma espécie de “Evangelho customizado”, excluindo tudo aquilo que as confrontam e tentam “vendê-lo” como sendo o Evangelho de Cristo, mas este já ESTÁ ESCRITO E NÃO MUDA.

Eu sei o quanto é difícil aceitar e assimilar certas verdades, mas que vantagem há em acreditar em uma mentira? A palavra de Deus não passa por reformas como acontece com a estrutura de uma língua ou outras regras e convenções. Por isso, não se engane, mesmo amando você, Deus não vai negar quem Ele e a Palavra dEle por sua causa.

Durante toda a minha adolescência, eu tive pensamentos suicidas. Eu quero trazer isso à tona para mostrar os pensamentos e sentimos de alguém que pensa em tirar a própria vida: eu focava apenas naquilo que eu queria e na minha própria vida. Mesmo quando havia outra parte envolvida, no fundo, trata-se apenas de mim mesma e do MEU QUERER, dos meus desejos e da minha dor em não ver minhas vontades realizadas. A angústia e a assolação eram o meu mundo e O MUNDO SE REDUZIA A MIM. Eu não enxergava a dor e o desgaste das pessoas que estavam ao meu redor (minha família e meu amigos), pois TODAS AS HORAS DO MEU DIA, EU ERA O MEU ÚNICO PENSAMENTO e eu era incapaz de aceitar o fato da vida não acontecer do meu jeito.

Por alguma razão, eu nunca tive coragem de tirar a minha própria vida, mas como
a dor me sufocava eu me lembro de uma noite em que fui dormir implorando do fundo da minha alma para que Deus me levasse. Naquela noite, há 15 anos, Deus me levou em sonho para um lugar assolado e tenebroso, onde tudo era disforme, inclusive eu e a minha visão. Não havia ninguém naquele lugar, exceto eu, e minha aparência era inumana. Então, eu ouvi Deus falar comigo: “você realmente quer partir? Porque se você partir agora, este será o seu destino”. Respondi para Deus que eu não queria ficar ali. E DEPOIS DAQUELE DIA, INDEPENDENTEMENTE DAS DORES DA VIDA, eu nunca mais desejei que a minha vida terminasse fora do tempo.

Pensar em “dar fim” a uma dor, sem pensar na dor dos que ficam é extremo egoísmo. Tente enxergar além de si mesmo e saiba: é impossível estar vivo e não sentir dor, VOCÊ NÃO É O PRIMEIRO E NEM O ÚNICO. Vença com Cristo todos os seus dias maus.

#longingformore #blogging #writing #Instagram #life #faith #God #thoughts #poetry #blog #suicide #mistakes #suicidio #sorriso #smile

Gratuated in History by PUC-SP (2009), postgratuate in Corporate Affairs (2010) and MBA in Marketing by FGV-SP (2016) and a master degree in History by PUC-SP (expected to 2021). More than 12 years of experience in Corporate Affairs playing different roles in big and global companies. Writer of the blog Longing for more since 2017. *** Possui graduação em História pela PUC –SP (2009), pós-graduação em Comunicação Corporativa (2010) e MBA em Marketing pela FGV-SP (2016) e é mestrando em História pela PUC –SP (2021). Atuou por 12 anos em comunicação corporativa e marketing em grandes empresas e multinacionais de diferentes segmentos. Escritora do blog Longing for More desde 2017.